quarta-feira, 6 de abril de 2011

O MEU PEDIDO DE DESCULPAS A TODOS...

Eu peço desculpas a toda a gente que passa por este blog, que é cada vez menos, é certo. Espero que ninguém leia o que aqui escrevo e retire alguma lição para a vida. Pouco do que escrevo tem algum valor e a prova mais que provada está aí ao lado.

Pois é... Para aqueles que acreditaram que eu disse QUE O FMI IA ENTRAR EM PORTUGAL EM FINAIS DE MARÇO - ERREI POR SEIS DIAS - AS MINHAS DESCULPAS.

28 comentários:

  1. Você está desculpado, Cirrus. Eles não ((

    ResponderEliminar
  2. Sabes o que me chateia?! A minha imensa capacidade de fazer futurologia só serve para adivinhar as desgraças... porra, bem que podia vir completamente equipada, com as partes más mas também com as boas...

    Mas parece que a tua não é melhor que a minha... :(

    ResponderEliminar
  3. Lá vem o SALVADOR armado em gabiru tratar-me por você!!! E eu que me sinto cada vez mais jovem...

    Bem, obrigado, de qualquer forma...

    ResponderEliminar
  4. Pronúncia (aqui é assim... Pronúncia), eu não acerto em desgraças. Se errei por seis dias inteiros, chamas a isso acertar? Admira-me é que muitos outros não tivessem olhinhos na cara...

    ResponderEliminar
  5. Infelizmente não eras só tu a prever esta desgraçada sina!! Estamos bem lixdos, meu caro Cirrus! :(

    ResponderEliminar
  6. Estava a contar que fosse em Junho... Mas as notícias más chegam mais depressa...

    ResponderEliminar
  7. Em Junho não, porra, Sara!!!

    :D

    ResponderEliminar
  8. Mesmo assim, ainda aceito sugestões tuas para o boletim do euro tostoes...sempre devo fazer um 3...o que é bem melhor do que o que me tem saído!...é que não estou a ver outra forma de sair da crise pá!

    ResponderEliminar
  9. Não, Rosinha, pelo contrário. Faz de mim uma pessoa realista.

    ResponderEliminar
  10. marco, não vê porque ninguém fala nelas... que as há, há. É olhar para a Islândia, por exemplo...

    ResponderEliminar
  11. Eusébio, o problema está nas diferenças:
    - A Islândia tem 300.000 mil habitantes... nós temos 10.000.000!
    - Na Islândia as hortaliças ficam devidamente pesadas e embaladas na beira do caminho sem ninguém a guardá-las, as pessoas levam o que querem e deixam o dinheiro na caixa que lá está para o efeito.

    O problema é a formação de um Povo e a nossa é o que sabemos, quem manda é o chico esperto que pensa que é o supra sumo da inteligência e todos os restantes são burros...

    ResponderEliminar
  12. Pronúncia, nunca esqueças que são poucos sim, mas tomaram a situação em mãos. A diferença não está na dimensão. Está na força. Nós não temos força. Não temos coragem. Somos fracos.

    ResponderEliminar
  13. Está explicado porque é que ainda não emigraste: porque não acertas nos números do Totoloto por uma pequena diferença de 6!
    :-)

    Desculpa lá, mas tinha que tentar animar a coisa, porque isto 'tá como o carvão e a música "fúnebre" não ajuda!

    E p'ra que conste, não são assim tão poucos a ler-te e a conhecer mais do mundo financeiro e político graças às tuas explicações de certeza!

    Haja esperança e que nunca tenhas vontade de mudar a máxima do teu perfil!

    ResponderEliminar
  14. Lá está... a nossa formação de base (de tuga) não dá para ter a força que é preciso... o umbiguismo é uma enorme fraqueza...

    ResponderEliminar
  15. E quando é que o peidoso morre? Sabes prever?

    ResponderEliminar
  16. SDaVeiga, isso nunca. Portugal é a minha paixão.

    ResponderEliminar
  17. Pronúncia, neste momento poderia ser uma força. Se não fosse um umbiguismo individual mas nacional.

    ResponderEliminar
  18. Dylan, ouvi dizer que pode ser em Dublin...

    ResponderEliminar
  19. Eu apostei no dia 1 de Abril, mas pelos vistos também errei...
    :(

    ResponderEliminar
  20. Story, só por 5 dias... E a carga inerente ao dia.

    ResponderEliminar
  21. " Nós não temos força. Não temos coragem. Somos fracos."
    Bom resumo do nosso povo. Nem mais.

    ResponderEliminar
  22. André, bem vindo.

    Infelizmente, nada me custa mais que dizer isto. Mas penso ser a realidade.

    ResponderEliminar
  23. Daniel, obrigado. Mesmo não tendo contribuído para isto, a culpa agora parece ser de todos. É a velha história da democracia ser uma faca de dois "legumes".

    ResponderEliminar
  24. pronto, tinhas razão... e agora diz lá, alguma ideia para os mandar para um certo sítio? :P

    ResponderEliminar
  25. Ana, é mandá-los para um certo sítio.

    ResponderEliminar

LEVANTAR VOO AQUI, POR FAVOR